Salvador, 15 de dezembro de 2017
Acesse aqui:                
facebookorkuttwitteremail
UNIFACS recebe reconhecimento inédito em favor da diversidade
Ajustar fonte Aumentar Smaller Font
Qui, 20 de Abril de 2017 21:12

Selo_da_Diversidade__Unifacs_17042017Promover ações que valorizem a diversidade, a não violência e os direitos individuais e coletivos dentro e fora do ambiente acadêmico. Esse é um dos focos da atenção da Universidade Salvador (UNIFACS) para este ano. A instituição é, até então, a única universidade em Salvador a receber, o Selo da Diversidade Étnico-Racial, certificação concedida pela Secretaria da Reparação (SEMUR) que reconhece ações de promoção da equidade racial nas políticas de gestão de pessoas e marketing das organizações públicas, privadas e da sociedade civil em Salvador.

 Seminários abertos, debates dentro e fora da Universidade e eventos específicos fazem parte das ações do Comitê Gestor da Diversidade, Direitos Humanos e Cultura da Paz, criado em 2016 para fomentar iniciativas e propor novas estratégias para a promoção da diversidade, em consonância com o previsto no Pacto Universitário de Educação em Direitos Humanos.

 De forma multidisciplinar, o comitê é composto por professores, colaboradores e representantes da comunidade externa e atua no fortalecimento das iniciativas relativas às questões de gênero, étnicas, raciais e de direitos. “O Comitê atende, principalmente, às solicitações dos próprios alunos em promover um maior nível de engajamento, respeito e conhecimento sobre esses temas, promovendo um melhor enfrentamento de questões fundamentais como nome social, sanitário unissex, preconceito, homofobia, racismo, inclusão social no ambiente acadêmico, por exemplo”, ressalta Patrícia Patricia Pastori, coordenadora de Extensão Comunitária da Unifacs.

 Reconhecimento

O selo da Selo da Diversidade Étnico-Racial foi entregue em cerimônia realizada na última segunda-feira, 17 de abril, que contou com presença da titular da pasta, a secretária Ivete Sacramento, do chanceler da Unifacs, Manoel Barros, e da reitora da instituição, Márcia Barros.

 No encontro, também foi assinado um acordo de cooperação técnica com instituições parceiras que atuarão junto ao Comitê Gestor da Diversidade, Direitos Humanos e Cultura da Paz da Unifacs com a Associação Nacional de Travestis e Transexuais (ANTRAS), Grupo Gay da Bahia (GGB), site Dois Terços, Grupo Quimbanda Dudu (Direitos Humanos, Diversidade Sexual e Cidadania de Afrodescendentes) e a Universidade da Paz (UNIPAZ).

 

O evento foi também a abertura do I Seminário da Diversidade, Direitos Humanos e Cultura da Paz, que aconteceu em Salvador e segue para Feira de Santana. Promovido pela UNIFACS, o encontro vai convidar especialistas, artistas e autoridades para discutir diversidade de gênero e etnia, liberdade religiosa e respeito aos direitos. O Seminário começa com o painel ‘O Papel da Universidade na promoção dos Direitos Humanos, Diversidade e Cultura da Paz’, mediado pela professora Patrícia Pastori, com participação da professora Cleide Bittencourt, membro do Comitê da Diversidade.

 

O segundo painel da manhã, ‘Direitos Humanos, Diversidade Sexual e Cidadania de Afrodescendentes’, terá como convidados a diretora da Unipaz, Maria Virginia de Salles Garcez, Grupo Quimbanda Dudu, Grupo Gay da Bahia, representados por Marcelo Ferreira de Cerqueira, além de Inês Silva, da ONG Famílias pela Diversidade e Genilson Coutinho, do site LGBT Dois Terços.

Compartilhe:

 

O MELHOR DO ALDEIA NAGÔ NO SEU EMAIL

CADASTRE-SE EM NOSSO NEWSLETTER:

FOTOS DOS ÚLTIMOS EVENTOS

  • 08.12.17.066Cabuloso Trio. Lebowski Pub. )8 Dez 2017
  • 26.11.17.038Ocupação Coro de Rua. 26 Nov 2017
  • 24.11.17.034Bruna e Ricardo Correia. Lebwisky.24 Nov 2017
  • 17.11.17.086Festival Samba de Beco, 17 Nov 2017
  • 17.11.17.057II Noite Cultural. Casa Preta. 17 Nov 2017
  • 12.11.17.078Puxadinho MassaLarica. Ano 1. 12 Nov 2017

Parabéns Aniversariantes do Dia

loader
publicidade

ENSAIOS FOTOGRÁFICOS

GALERIAS DE ARTE

HUMOR

  • Golpe_1
  • Categoria: Humor
Mais charges...

ENQUETE 1

Qual é o melhor dia para sair a noite?